Juiz de Fora - MG, Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020 HOME | O DEMLURB | MAPA | FALE CONOSCO | WEBMAIL









Aterro Sanitário - Relatórios Fotográficos:

Situação das obras de emergência no Aterro Controlado
e Aterro Sanitário de Juiz de Fora
Data: 14/04/2005



 
Foto 1 – Estrada de Acesso à Área de Disposição (Vertende Esquerda)
Reconformação dos taludes e cobertura do lixo


 
Foto 2 – Estrada de Acesso Interna do Aterro
Ao fundo acesso às Valas provisórias para disposição dos RSS e animais
mortos para atendimento da Condicionante nº 3 da Licença de Operação


 
Foto 3 – Vista do trabalho de remoção do lixo carreado
para cima do Aterro Compactado (dique de contenção)


 
Foto 4 – Vista do trabalho de remoção do lixo
carreado para cima do Aterro Compactado (dique de contenção)


 
Foto 5 – Vista do início da reconformação geométrica dos taludes
(Vertente Esquerda)


 
Foto 6 – Vista do início da reconformação geométrica
e cobrimento dos taludes (Vertente Esquerda)


 
Foto 7 – Vista do início da reconformação geométrica e cobrimento dos
taludes e estrada de acesso ao Nível Intermediário (Vertente Esquerda)


 
Foto 8 – Vista do início da reconformação geométrica dos taludes e
início da abertura de estrada de acesso ao Tanque de Percolados


 
Foto 9 – Vista da célula impermeabilizada com PEAD
para disposição de RSS e animais Mortos (Vertente Esquerda)
para atendimento da Condicionante nº3 da Licença de Operação


 
Foto 10 – Vista da célula impermeabilizada com PEAD
para disposição de RSS e animais Mortos (Vertente Esquerda)
para atendimento da Condicionante nº3 da Licença de Operação


 
Foto 11 – Vista (de baixo para cima) da cobertura do lixo (Vertente Esquerda)


 
Foto 12 – Vista de um talude de lixo com abertura de valeta ao
pé para drenagem de chorume (Vertente Esquerda)


 
Foto 13 – Vista de um talude de lixo com abertura de valeta ao
pé para drenagem de chorume (Vertente Esquerda)


 
Foto 14 – Vista de um talude de lixo com abertura de valeta ao
pé para drenagem de chorume (Vertente Esquerda)


 
Foto 15 – Estradade acesso interno que divide o Nível Superior
e Nível Intermediário do Aterro Controlado (Vertente Esquerda)


 
Foto 16 – Estradade acesso interno que divide o Nível Superior
e Nível Intermediário do Aterro Controlado (Vertente Esquerda)


 
Foto 17 – Recuperação do Aterro Sanitário (Vertente Direita)
Remoção do solo escorregado sobre a manta de PEAD


 
Foto 18 – Recuperação do Aterro Sanitário (Vertente Direita)
Desobstrução do dreno de base sob a manta de PEAD



RELATÓRIO FOTOGRÁFICO
Aterro Controlado / Aterro Sanitário de Juiz de Fora
(Datas: 10 e 11 de maio de 2005 / 20 de maio de 2005)

SITUAÇÃO DO ATERRO SANITÁRIO (VERTENTE DIREITA)
Após retirada de toda lama, lixo e manta de PEAD danificada, foram refeitas as drenagens de base existentes, acrescentados drenos no pé do talude lado esquerdo, além da recomposição da camada de argila e colocação de nova manta de PEAD.

Fotos do dia 10 de maio de 2005.


 
Foto 1 – Detalhe da colocação da nova manta
de PEAD sobre o novo liner de argila compactada.
OBS: Só foi possível o aproveitamento da
manta de PEAD dos taludes do dique e das laterais.


 
Foto 2 – Detalhe da colocação da
nova manta de PEAD sobre o novo liner de argila.


 
Foto 3 – Detalhe do novo liner de argila compactada.


 
Foto 4 – Detalhe do novo liner de argila compactada.


 
Foto 5 – Detalhe da colocação da nova
manta de PEAD. Ao fundo talude da direita.


 
Foto 6 – Detalhe da colocação da nova manta
de PEAD próximo ao tubo de saída dos percolados.


 
Foto 7 – Detalhe da colocação da nova manta
de PEAD próximo ao talude do dique de contenção.


Fotos do dia 11 de maio de 2005.

 
Foto 8 – Detalhe da colocação da
nova manta de PEAD em quase toda a base.


 
Foto 9 – Detalhe da colocação da
nova manta de PEAD em quase toda a base.


 
Foto 10 – Detalhe da colocação da
nova manta de PEAD e dique de contenção.


 
Foto 11 – Detalhe da colocação da nova manta de PEAD
em quase toda a base. Área a jusante do dique de contenção
(saída de águas pluviais e dos percolados) com muita lama
e lixo do último deslizamento de abril de 2004.


 
Foto 12 – Área a jusante do dique de contenção com
muita lama e lixo do último deslizamento de abril de 2004.


 
Foto 13 – Limpeza da área a jusante do dique de contenção
para desobstrução da passagem de águas
limpas e relocação do dreno de percolados.


 
Foto 14 – Limpeza da área a jusante do dique de contenção
para desobstrução da passagem de águas
limpas e relocação do dreno de percolados.


SITUAÇÃO DO ATERRO SANITÁRIO (VERTENTE DIREITA)
Após a recomposição da camada de argila e colocação de nova
manta de PEAD, foram executados os drenos de percolados,
a camada de proteção em argila e alguns drenos de gases.

Fotos do dia 20 de maio de 2005.


 
Foto 15 – Novos drenos de percolados em tubo de PEAD perfurados,
envoltos por material drenante (pedras marroadas) e geotêxtil (bidim).


 
Foto 16 – Drenos de percolados e de gases.


 
Foto 17 – Detalhe da interseção dos drenos de percolados e de gases.


 
Foto 18 – Vista geral da área do Aterro Sanitário (Vertente Direita).


 
Foto 19 – Vista da área a jusante do dique de contenção após início
da limpeza com retro-escavadeira.


SITUAÇÃO DO TANQUE DE PERCOLADOS

 
Foto 20 – Vista do acesso ao Tanque de Percolados e Valas Sépticas.


 
Foto 21 – Detalhe da limpeza do Tanque de Percolados (cheio de lama).


 
Foto 22 – Detalhe da limpeza do Tanque de Percolados (cheio de lama).


SITUAÇÃO DO ATERRO CONTROLADO (VERTENTE ESQUERDA)

 
Foto 23 – Vista do Tanque de Percolados e estrada de acesso.
Ao fundo detalhe da reconformação geométrica da
Vertente Esquerda com execução de um dique de contenção
do lixo solto desde o último escorregamento em abril de 2004.


 
Foto 24 – Ao fundo o Aterro Controlado
(Vertente Esquerda) quase 100% coberto.


 
Foto 25 – Ao fundo o Aterro Controlado
(Vertente Esquerda) quase 100% coberto.


SITUAÇÃO DAS VALAS SÉPTICAS

 
Foto 26 – Início da limpeza da Vala Séptica para carcaças de animais.


 
Foto 27 – Início da limpeza da Vala Séptica para carcaças de animais.


 
Foto 28 – Vista interna da Vala Séptica para RSS.


 
Foto 29 – Vala Séptica para RSS após esgotamento
da água de chuva (detalhe da altura da lâmina de água).


SITUAÇÃO DA ENTRADA DO ATERRO E OBRAS DA BR-040

 
Foto 30 – Entrada do Aterro.
Ao fundo obra de duplicação da BR-040 executada pela CONCER.


 
Foto 31 – Contêineres instalados próximo a Guarita do Aterro para
servir de vestiário e sanitário para os funcionários
da Construtora Queiroz Galvão S.A.
OBS: Foi construído também uma fossa séptica para tratamento/
esgotamento sanitário dos efluentes gerados nas instalações de apoio.



Relatório Fotográfico - Agosto de 2005

Obras de Emergência no Aterro Controlado e Sanitário de Juiz de Fora - MG
Data: 03 de agosto de 2005
Recuperação do Aterro Controlado (Vertente Esquerda)

 
Foto 01 - Vista Geral da Recuperação do Aterro Controlado.


 
Foto 02 - Vista Geral da Recuperação do Aterro Controlado.


Operação do Aterro Sanitário (Vertente Direita)

 
Foto 03 - Área de Empréstimo do Aterro Sanitário.


 
Foto 04 - Instalação de Manilhas para
Dreno de Águas Pluviais, ao fundo Valas Sépticas.


 
Foto 05 - Detalhe da Instalação das Manilhas.


 
Foto 06 - Caminhão Compactador trafegando pelas Vias de Acesso .


 
Foto 07 - Compactador de RSS trafegando pelas vias de acesso.


 
Foto 08 - Compactador de RSS depositando os Resíduos na Vala Séptica.

Data: 22 de Agosto de 2005

 
Foto 09 - Célula do Aterro Sanitário
terminando a Segunda Camada de Cinco metros.


 
Foto 10 - Detalhe da Célula do Aterro Sanitário.


Voltar para o topo da página

© Copyright 2006 / 2020 - Todos os direitos reservados. Divisão de Informática do DEMLURB - Departamento Municipal de Limpeza Urbana.

3 usuários on-line

DEMLURB - Departamento Municipal de Limpeza Urbana
Av. Francisco Valadares, nº 1.000 - Vila Ideal - Juiz de Fora - MG
CEP: 36020-485 - Telefones: (32) 3690-3501 / 3502 - Fax: (32) 3690-3511
E-mail: demlurb@demlurb.pjf.mg.gov.br - Alô DEMLURB: 3690-3500